quarta-feira, 11 de setembro de 2013

NUNCA DESISTA DOS SEUS SONHOS




Eu digo: sonhe, jamais desista dos seus sonhos!
Nunca desista dos seus sonhos! É isso que martelam em nossas cabeças. Nos livros de auto-ajuda, em muitos filmes, está lá direta ou indiretamente: sonhe, sonhe e não desista jamais dos seus sonhos! Daí, claro, encorajados por esses impulsos, seguimos sonhando, alimentando nossos sonhos.
Os sonhos nos mantêm vivos, já diziam por aí. São eles que nos fazem continuar a lutar, a crer em dias melhores. E sempre teremos sonhos a realizar. Quando realizamos um, aparece outro. Mas percebe como os nossos sonhos parecem estar cada vez mais distantes? Sonhamos muito alto, porque fomos treinados a sonhar assim.
O que proponho, para que eu e você pensemos pelo menos, é uma nova forma de lidar com nossos sonhos. Talvez você ache isso uma loucura, uma idéia de alguém que cansou de sonhar. Mas não. Pelo contrário. É de alguém que continua a sonhar e deseja que você também assim o faça.
Para começar, não podemos ter tudo, não podemos abraçar o mundo, estar na praia e na montanha, torcer para o São Paulo e para o Corintians. Precisamos fazer escolhas, renúncias.
Tenho um cachorro em casa. Muitas vezes ele tenta pôr na boca, ao mesmo tempo, mais de um osso daqueles de brinquedo, sabe? Mas logo o teimoso vê que não consegue. E se contenta com um só.
O que isso tem a ver com os nossos sonhos? Tudo. Precisamos priorizá-los. Se não, corremos o risco de estar sempre frustrados, sempre esperando algo, sempre na expectativa de um acontecimento extraordinário que nos satisfaça. Temos que festejar cada sonho realizado. Por menor que ele seja. Caso contrário, nossa vida fica pesada.
O mais importante: precisamos ter coragem de podar nossos sonhos. Isso! Nossos sonhos têm de ser adaptados à realidade, ora!. Sim, temos de fazer o que for preciso para que eles se concretizem. E, para isso, talvez sejamos obrigados a repensar algumas verdades estabelecidas, alterar trajetos para chegar ao mesmo sonho.
Eu digo: sonhe, jamais desista dos seus sonhos! Mas também dou minha dica: não se apegue aos seus sonhos, não seja dependente deles. Sabe por quê? Porque a cada dia temos sonhos realizados. E a cada dia perdemos a chance de ter sonhos realizados porque queremos que eles aconteçam do nosso jeito.
Torço por você!
Por: Diego Amorim
Postar um comentário

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *